Autodefesa contra Assédio Extrafísico


vector abstract meditation yoga

 

Esse post foi motivado pela seguinte questão, publicada em uma lista de discussão na Internet da qual participo.

“Deixando de lado, quaisquer métodos místicos, como fazer para se defender de uma obsessão/assédio espiritual ? Quando se sente que está sendo assediado sem conseguir se libertar da influência espiritual que se torna forte, deve-se deixar rolar até o suposto espirito assediador de alimentar de suas energias vitais, ou deve-se lutar contra esse assédio até a consciência extrafísica sair fora?”

Pois bem. Existem três procedimentos básicos que podem ser empregados quando a pessoa sabe que está sob intenso assédio/obsessão espiritual:

1 – Instalar vários EVs, o tanto de vezes que for necessário, até que o assédio termine. EV ou Estado Vibracional – é uma técnica de mobilização de suas próprias energias conscienciais e é o procedimento mais adequado para esses casos.

2 – Além de instalar os EVs deve-se mudar imediatamente o padrão de pensamentos, sentimentos e energias. Parar com qualquer tipo de pensamento, sentimento ou emoção negativa, destrutiva, culposa (autoculpas), etc, quanto a si próprio e quanto a qualquer outra consciência, intrafísica ou extrafísica, ou grupos de consciências ou ainda a instituições.

3 – Por fim, se necessário, pode-se ainda apelar para amparadores extrafísicos, invocando-os mentalmente para que venham em seu auxílio.

O EV é apropriado para afastar consciências extrafísicas mais “pesadas” que fazem assédio acoplando-se as energias do energossoma do assediado. Existem, contudo, consciências assediadoras que atuam a distância, emitindo pensamento, sentimentos e energias longe do assediado. Para esses casos, o EV pode não ser efetivo e, nesse caso, a mudança do padrão de pensamentos ajudará.

A pessoa que se ver em uma situação de assédio intenso e não conseguir, por si s, superar o assédio extrafísico, não pode ficar “marcando passo”. Deve procurar auxílio imediato junto a pessoas que possam auxiliá-la a superar esse assédio, que terão que possuir expertise em mobilização de energias com finalidade assistencial.

Quanto mais tempo durar um assédio, mais difícil será removê-lo.

Os mesmos procedimentos acima também valem para os assédios promovidos por consciências intrafísicas.

Para saber mais

Experiências Fora do Corpo – Fundamentos

Fronteira da Consciência.com

Metaconsciência.com

Livro Estado Vibracional

Livro Estado VibracionalLivro Experiências Fora do Corpo - Fundamentos

 

 

 

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “Autodefesa contra Assédio Extrafísico

  1. O que leva uma consciex a praticar o assédio? Ouço que muitos dos assediadores foram pessoas que fizemos mal em vidas passadas, mas fico pensando, poxa, já faz um tempo que isso aconteceu já que foi em minha vida passada, essas consciex não tem coisa melhor pra fazer não? Elas não sabem que quando cometem heteroassedio cometem tbm o autoassedio?
    Devido a esse pensamento tenho dificuldade de acreditar que exista tantas consciex assediadora nessa condição, uma ou duas ok, mas muitas?? Poxa a não ser que o cara tenha sido uma personalidade que causou realmente mal a muitas pessoal, tipo um ditador, um Hitler ou alguém que era destaque de alguma forma ou um matador de aluguel, não vejo sentido nessa afirmação de alguns que dizem que temos vários assediadores e que eles são pessoal a quem fizemos mal em vida passada.
    Qual sua visão a respeito?

    • Olá Elias

      Existem, de fato, muitos assediadores extrafísicos. Não há exagero algum nisso. Mas porque são tantos?
      A primeira coisa a considerar é que existem consciências extrafísicas doentias e que praticam o assédio de encarnados a dias, semanas, meses, anos, décadas, séculos e até milênios. Então, trata-se de um numero realmente muito grande de consciências.

      A cada dia que passa, esse número é engordado com milhares de consciências de pessoas que morrem. E o que leva uma pessoa que morre a se tornar um assediador? O que faz com que ela permaneça nesse estado por anos ou até séculos?
      Devemos lembrar que nosso planeta possui energias extrafísicas muito densas e agressivas que são produzidas tanto pela humanidade encarnada quanto desencarnada. Uma pessoa que morre fica imediatamente suscetível a esse padrão de energias. O mesmo ocorre quando ela está encarnada, mas no intrafísico ela tem que parar para comer, tomar banho, trabalhar para se sustentar. No extrafísico não existem essas interrupções. Então as consciências entram facilmente em um loop mental e energético do qual é muito difícil de sair. Se a pessoa cultivava pensamentos doentios quando encarnada, tais como ódio, cobiça, egoísmo, belicismos, etc, ela vai continuar do mesmo jeito quando morrer.

      Nessa situação ela pode então se transformar em um assediador:

      -Sintonizando com pessoas encarnadas que pensam/sentem o mesmo que ela;
      -Acoplando-se com pessoas para drenar suas energias, no caso de viciados em álcool ou drogas, por exemplo;
      -Sendo arregimentadas ou mesmo escravizadas por outras consciências para assediarem outras pessoas.

      Considere-se, por fim, que a maioria das pessoas morre e fica em estado de sonambulismo, sem lucidez, por longos períodos de tempo, perdidas na dimensão extrafísica crostal. Nessa condição, é muito fácil virarem assediadores de forma inconsciente, movidos instintivamente pelos acoplamentos energéticos com outras pessoas.

      Então é isso

      Abraço

      Cesar Machado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s