O Impacto do Estado Vibracional no Corpo Físico


Transformation ins Licht

Quais são os impactos do EV – Estado Vibracional – no soma, o corpo físico ? 

A primeira vista essa é uma questão um pouco difícil de ser respondida pois sabemos que o EV é produzido em função da movimentação das energias do Energossoma e do Psicossoma, onde também são sentidos a maioria dos seus efeitos. Apartar o corpo físico desses outros veículos para avaliar quais são os efeitos específicos do EV especificamente nesse veículo, portanto, não é tão simples. Ainda assim fiz o possível no texto que segue.

Digestão. A instalação do EV parece acelerar o processo digestivo. Em certas ocasiões, após as refeições por exemplo, esse efeito do EV pode ser aproveitado quando for necessário realizar algum tipo de atividade intelectual ou assistencial.

Forames do crânio. Acredita-se que a prática do EV ao longo anos a fio possa afetar de forma perceptível os forames (aberturas) na base do crânio por onde passam as terminações nervosas.

Sistema nervoso vegetativo. O EV aparentemente afeta o sistema nervoso vegetativo produzindo situações que normalmente não são produzidas conscientemente, por meio da vontade. Ao ser instalado, o EV pode produzir uma forte sensação de aquecimento ou esfriamento do corpo físico, fazendo com que os músculos eretores dos pelos sejam ativados, levando a pessoa sentir arrepios por todo o corpo, mesmo com a temperatura ambiente estando muito elevada.

Sistema Imunológico. Muitas, senão todas as doenças, tem como causa uma componente física e outra extrafísica, energética. A instalação constante do EV inibe a formação de doenças no corpo físico de duas formas. Primeiro, indiretamente, pela desassimilação de energias doentias pelo energossoma que, dessa maneira, torna o corpo físico resistente e, diretamente, ao criar um campo energético homeostático que fica impregnado na própria matéria intrafísica que constitui o corpo. Se isso não for o suficiente para imunizar o corpo de todas as doenças, certamente será eficiente para algumas delas, talvez às mais simples como certos tipos de infecções viróticas ou bacterianas. Os mesmos processos também seriam responsáveis pela aceleração da cicatrização de tecidos do corpo.

Atividade cerebral. O cérebro produz ondas cerebrais que podem ser monitoradas pelo EEG (Eletroencefalograma). Experimentos realizados pelo pesquisador Wagner Alegretti parecem indicar que a circulação fechada de energias empregada para produzir o EV afetaria a frequência e sincronização de algumas ondas cerebrais. São necessárias, contudo, pesquisas mais apuradas para aferir até que ponto e de que maneira isso ocorre. O mesmo pode dizer-se das áreas do cérebro, tais como os lobos temporais, que seriam mais ativadas com essa circulação e com a instalação do EV, conforme indicaram experimentos iniciais por meio de imagem por ressonância magnética funcional (fMRI). Os experimentos realizados por esse pesquisador também indicaram que, após a instalação do EV, ocorre uma ativação geral de todas as áreas do cérebro o que, em tese, poderia ajudar a prevenir o Mal de Alzheimer.

DNA. Uma pessoa que desde a juventude pratique regularmente o EV poderia imprimir mudanças em seu ParaDNA e, partir disso, também modificar o DNA de seu corpo físico, transmitindo mutações relativas a aspectos parapsíquicos para sua descendência. Esse é uma especulação instigante que poderá ser investigada no futuro.

Concluindo, como se percebe pela leitura, temos hoje não muito mais do que muitas especulações sobre os efeitos do EV no corpo físico. Algumas pesquisas pioneiras vem sendo realizadas por uns poucos pesquisadores mas essas ainda estão no seu início, existindo muito chão para ser percorrido ao longo das próximas décadas antes que tenhamos mapeado os impactos do EV no soma e, quem sabe assim, tirarmos proveito disso.

Para Saber Mais:

Experiências Fora do Corpo – Fundamentos

Experiências Fora do Corpo – O Guia do Iniciante

Fronteira da Consciência.com

Metaconsciência.com

Livro Estado Vibracional

Livro Estado VibracionalLivro Experiências Fora do Corpo - Fundamentos

 

 

 

 

 

Anúncios

Saúde do Corpo Físico


woman a flowing hair

Você cuida bem da saúde do seu corpo físico?

Fatologia. Os cuidados com o corpo físico; A atenção para com a qualidade da dieta alimentar; A realização de exames de saúde periódicos; A aplicação da vacinação preventiva; A atenção para os alertas emitidos pelo corpo; A consciência  em avaliar a necessidade ou não de ingestão de medicamentos;  A prática de atividade física regular; O sono revitalizador; Os limites do estresse físico;  A higiene como hábito.

Saúde. O corpo físico saudável reflete a condição do energossoma e vice-versa. Quem tem boa saúde tem mais energia para usar, doar e assistir.

Homeostase. A saúde do corpo físico contribui para a homeostase holossomática, o equilíbrio do holossoma, o conjunto dos veículos de manifestação da consciência.

Foco. Geralmente, sites como este comentam muito sobre os corpos e energias sutis e pouco ou nada sobre cuidados com o corpo físico. Sem um corpo saudável nossas possibilidades de atuação nessa dimensão ficam muito limitadas.

Dever. A média de vida hoje, no Brasil, é de 73 anos. Temos então uma obrigação perante a vida: atingirmos essa idade de forma produtiva, ativos, fazendo coisas úteis.

Mulheres. Mulheres cuidam muito mais da saúde do corpo do que os homens. Por isso, a partir de 60 anos começa a haver uma redução da população masculina em relação à feminina.

Periódico. Trabalho em uma empresa que tem certa preocupação com a saúde de seus funcionários exigindo, portanto, que façam um exame de saúde anual.

Conscientização. Ciente de que o exame proporcionado pela empresa não é suficiente para aferir de forma adequada o real estado da saúde do meu corpo, faço anualmente meu próprio exame periódico.

Médico. O médico que consulto para isso é um cardiologista. Sua agenda está sempre lotada com fila de espera de meses para uma consulta. Isso mais a qualidade do atendimento que presta atestam sua competência. Depois dele, também visito o urologista.

Exames. Os exames que o cardiologista pede são: Hemograma completo, Eletrocardiograma, Teste de esforço físico, Ultrasonografia das carótidas, Ultrassonografia abdominal, Ultrassonografia prostática, Ultrassonografia da tireoide.

Doenças. Aos 48 anos, não sofro de nenhuma doença e não tomo nenhum remédio. Minha pressão é excelente a maior parte do tempo. Não fosse isso, certamente teria que fazer outros exames mais.

Eletrocardiograma. Junto com o teste de esforço físico, é fundamental para inferir a qualidade do coração, cuja patologia é uma das principais causas de óbitos em todo mundo.

Carótidas. Uma ultrassonografia das carótidas permite inferir o grau de obstrução das artérias do coração e assim, definir se é preciso um tratamento ou não para o nível de colesterol acima do normal, como é o meu caso.

Tireoide. Atenção crescente vem sendo dada a tireoide, glândula que regula funções importantes em órgãos como o coração, o cérebro, o fígado e os rins. A ocorrência de nódulos na tireoide é comum, sendo que em 5% dos casos, eles podem evoluir para um câncer.

  • Caso: Uma pessoa que conheci tinha um problema sério da tireoide. Por motivos ignorados, fazia um tratamento sem que ninguém soubesse. Certo dia teve uma crise causada por disfunções nessa glândula, entrou em coma e veio a falecer sem que um diagnóstico do que estava ocorrendo com ela pudesse ser feito a tempo de salvá-la. Somente depois soube-se sobre o tratamento que conduzia em segredo.

Abdomen. É uma das regiões que mais acumulam gordura. Uma ultrassonografia abdominal permite avalia-se quanta gordura está acumulada na região, em especial ao redor do fígado, o que pode levar a complicações nesse órgão.

Próstata. É uma glândula que só o homem possui, que se localiza na parte baixa do abdômen e está relacionada a reprodução. Existem três exames preventivos que todo homem deve fazer a partir dos 45 anos: exame de sangue para medir o PSA; ultrassonografia prostática para medir-se com precisão o tamanho e peso dessa glândula; o (ainda temido e motivo de mil e uma gozações) TR – exame de toque retal, considerado o mais importante dos três.

  • Caso: Exames periódicos detectaram aumento do nível do PSA em meu sogro aos 80 anos. Exames complementares levaram-no a uma quimioterapia. Como resultado, o quadro foi revertido e hoje ele tem 90 anos.
  • Caso: Um colega de trabalho aos 53 anos começou a sentir-se mal. Descobriu que estava com câncer na próstata em estágio terminal, sem possibilidade de reversão. Nunca fizera exame da próstata antes.

Exames de Sangue. Quanto mais detalhado melhor. Doenças como a diabetes podem ser detectadas precocemente e o nível de colesterol pode ser avaliado, sem contar uma serie de outras anomalias.

  • Caso: Um moça que conheci na adolescência  tornou-se diabética sem saber e acabou falecendo devido a uma crise fulminante de hipoglicemia. Um exame de sangue periódico teria evitado isso.
  • Caso: Colesterol elevado, com o tempo, causa obstrução das artérias o que leva ao infarto do coração e outros problemas circulatórios. Tenho o colesterol elevado por questões genéticas. Certo dia fui fazer o exame periódico exigido pela empresa e a médica, clínica geral, sugeriu que eu tomasse uma medicação para baixar o nível do colesterol por alguns meses para depois “ver como ficava”. Agradeci a ela e informei que preferia consultar meu cardiologista. Baseado em exames detalhados, o cardiologista achou que não era o caso, até porque: 1) Não existe “ver como fica” para esse remédio; ou se toma ininterruptamente ou o colesterol volta a subir; 2) O remédio tem contra indicações, tais como por exemplo, o aumento das chances de contrair câncer no pâncreas. Se o nível de colesterol é muito elevado, dificilmente a pessoa escapará do remédio, mas, se é “apenas” elevado, como no meu caso, deve-se fazer o possível para evitar o remédio. Em tempo: Como a venda de remédios para reduzir o colesterol é hoje uma mina de ouro para a indústria farmacêutica, essa “mexe com os pauzinhos” para aumentar as vendas. Fique ligado!

Alimentação. Objeto de infindáveis polêmicas, cada pessoa deve descobrir por si só quais alimentos ou dieta alimentar lhe faz bem e qual lhe faz mal. Generalizações e ideologias nesse campo frequentemente levam a equívocos.

  • Caso: Na Alemanha, um detalhado acompanhamento de pessoas que preferem alimentar-se exclusivamente de comida crua revelou a incidência de anemia na maior parte dos indivíduos. Essas pessoas acreditam, erroneamente, que alimento cru é mais saudável. Ocorre que, após milhões de anos, o organismo humano está irremediavelmente acostumado a extrair o que precisa de alimentos cozidos.

Fumo. Fumo mais mal. Mata. Se você fuma, pare imediatamente antes que seja tarde.

Modismos. Periodicamente, revistas populares trazem reportagens de capa sobre o lançamento (prematuro) de novos remédios “miraculosos” que curam ou melhoram significativamente algum tipo de problema de saúde. São os remédios da moda. Cuidado.  Em geral são matérias pagas. Vários desses remédios da moda tiveram sua comercialização proibida, anos depois, após constatar-se sérios efeitos colaterais nos pacientes.

Atividade Física. Atividade física regular é necessária para manter-se a saúde do corpo. Quanto mais velha a pessoa fica, mais necessária se tornam os exercícios frequentes. A caminhada em passo ligeiro é o exercício mais fácil, mais barato e que trás mais benefícios para o praticante. Estabeleça uma disciplina: caminhe dia sim, dia não, 5, 6 Km ou mais, nas ruas, no parque mais próximo, enfim, onde for possível.

  • Caso: No ano passado, em um belo dia, comecei a sentir uma dor intensa no antebraço direito. Com o passar dos dias, parecia evidenciar-se um quadro de tendinite. Devido a rotina de atividades obrigatórias diárias, estava há meses sem exercitar-me. Voltei a caminhar (da forma descrita acima). Semanas depois, as dores desapareceram.

Negligência. Todas as pessoas ficam com gripe, tosse ou algum outro problema de saúde simples de vez em quando que o próprio mecanismo de autodefesa do organismo consegue superar. Gripe, tosse, dores ou qualquer outro sintoma que persista por semanas é sinal de que o organismo não conseguiu superá-lo e que podem levar ao seu agravamento.

  • Caso: Tive uma projeção lúcida onde foi mostrado que a tosse que um colega de trabalho trazia a semanas era o sintoma de um problema que iria se agravar causando-lhe a morte caso não se tratasse imediatamente. Dei o recado e o pior foi evitado. Tempos depois o mesmo ocorreu com outro colega, com o detalhe que dessa vez ele ainda não tinha sintoma algum de problema nos pulmões.
  • Caso: A poucos dias, um membro de minha família teve um problema de cistite, uma infecção bacteriana na bexiga ou no trato urinário inferior. Convencido da superioridade de sua saúde, pois é atleta desde a juventude e vangloriando-se de nunca tomar remédio para nada, não se cuidou. O quadro da infecção evoluiu a ponto dele desmaiar três vezes levando sua família ao desespero. A medicação adequada reverteu o quadro de infecção.

Sono. Dormir bem, o quanto o corpo físico demanda, é fundamental. Qualquer pessoa passa por períodos onde dorme menos do que deveria por algum motivo, mas isso não pode virar rotina. A longo prazo, a privação do sono pode comprometer seriamente a saúde, uma vez que é durante o sono que são produzidos alguns hormônios que desempenham papéis vitais no funcionamento de nosso organismo.

Estresse. Existe o estresse positivo e o negativo. “Sem estresse não há evolução”, diz a máxima. Quando muito intenso e prolongado, o estresse pode levar ao esgotamento físico e mental, reduzir a atenção da pessoa, predispô-la a acidentes e ao assédio extrafísico. Logo, descanse quando o corpo der sinais de esgotamento e vá se distrair quando a mente der sinais de saturação com alguma atividade.

Higiene. Maçanetas das portas de banheiros públicos e de banheiros do ambiente de trabalho e as barras de empurrar carrinhos de compras em supermercados são duas das principais formas de transmissão de doenças infecto-contagiosas, tais como a gripe.

Faço votos que você leitor ou leitora, chegue pelo menos a 100 anos de vida produtiva!

Referências

Por que homens cuidam menos da saúde que as mulheres

Próstata

10 Coisas que você precisa saber sobre tireoide

A importância do sono

Experiências Fora do Corpo – O Guia do Iniciante

Fronteira da Consciência.com

Metaconsciência.com

Livro Estado Vibracional

Livro Estado VibracionalLivro Experiências Fora do Corpo - Fundamentos

 

 

 

 

 

Conscientização quanto a Tenepes


EV04102013

Definição.Tenepes é um neologismo criado por Waldo Vieira para designar a tarefa energética pessoal, que, segundo o próprio, pode ser definida como “a transmissão de energia consciencial (EC), assistencial, individual, programada com horário diário, da consciência humana, auxiliada por amparador ou amparadores, no estado da vigília física ordinária, diretamente para consciências extrafísicas carentes ou enfermas, intangíveis e invisíveis à visão humana comum, ou consciências projetadas, ou não, próximas ou a distância, também carentes ou enfermas”.

Antecedentes. A tenepes foi praticada de forma mais ou menos sistemática por inúmeras pessoas ao longo do tempo. De alguma forma, pessoas que sabiam mobilizar suas energias para cura perceberam que podiam prestar auxílio energético tanto localmente quanto à distância. A  irradiação à distância era usada quando não havia outra opção. Se o paranormal tivesse facilidade para comunicar-se com seus amparadores, eles mesmos poderiam sugerir que o trabalho local fosse parcial ou totalmente substituído pelo trabalho à distância. Não se trata de mera especulação. Ainda hoje esse tipo de coisa acontece com pessoas que nunca ouviram falar de tenepes. Tive a oportunidade de acompanhar pelo menos um caso assim.

Lógica. A tenepes segue a seguinte lógica. Existem pessoas que mobilizam energias conscienciais para prejudicar seus semelhantes, às vezes pessoas que nem conhecem, seja por vingança, seja pela obtenção de alguma vantagem material. Essas práticas são aquilo o que conhecemos popularmente por magia negra ou vudu, dentre inúmeros outros termos. Então, se é possível fazer um trabalho de mobilização de energias conscienciais para o mal, porque não seria mobilizar-se energias conscienciais para o bem?

Diferenciação. Qualquer pessoa pode, portanto, eventualmente, irradiar energia à distância para ajudar outra consciência, física ou extrafísica. Mas isso não é tenepes. Quando Waldo Vieira sistematizou o processo, ele definiu bem as principais características dessa tarefa energética: diariamente, ininterruptamente (para toda a vida), em horário pré-estabelecido e sob a supervisão de um ou mais amparadores extrafísicos. Dessa maneira, a tenepes situa-se em outro nível em termos de assistência interconsciencial.

Prática.A tenepes normalmente é feita no escuro para facilitar os processos relativos à ectoplasmia. O tenepecista se isola em um local sem interferências externas, tal como uma sala e um quarto e, após um trabalho preparatório que envolve, dentre outros procedimentos, a instalação de um estado vibracional profilático, promove a irradiação de intensos fluxos de energias conscienciais. Esses fluxos são direcionados para consciências extrafísicas ou para consciências intrafísicas projetadas que são trazidas pelos amparadores para serem assistidas.

Necessidade. A necessidade da existência da tenepes está nas energias densas do tenepecista que podem ser usadas de forma muito mais efetiva para processos de cura e desassédio do que as energias sutis dos amparadores extrafísicos.

Anonimato.A tenepes é praticada de forma discreta e anônima. Geralmente, apenas poucas pessoas, íntimas do tenepecista (os familiares com quem reside, por exemplo), tem conhecimento sobre essa sua atividade. Com o tempo, à medida que seu trabalho assistencial vai ficando conhecido, essa condição de anonimato acaba desaparecendo. Mesmo assim, o tenepecista jamais vai ficar alardeando sua condição, muito menos detalhes sobre esse trabalho.

Heresia. Para espiritualistas tradicionais, a tenepes pode parecer uma heresia, uma abominação. “Onde já se viu uma pessoa fazer um trabalho anímico-mediúnico sozinha, sem uma supervisão religiosa para controlar e manter o equilíbrio do processo?” De fato, a tenepes tende a acabar com esse tipo de supervisão institucional. Quem melhor do que os próprios amparadores para supervisionarem o trabalho do tenepecista?

Interassistencialidade. Muitas pessoas poderiam praticar a tenepes, mas não o farão por não terem despertado ainda para a necessidade de praticar-se a interassistencialidade para evoluir. Em outras palavras, prestar assistência a outras consciências e também ser assistido durante esse processo. Pessoas que ainda estão muito focadas nas próprias necessidades do ego acham que podem evoluir sem assistir ninguém ou fazendo isso de forma pontual e superficial. Estão mais preocupadas em mobilizar energias para desenvolver poderes e atrair coisas como dinheiro e outros tipos de vantagens ou facilidades.

Diferenças. Pessoas não são iguais, logo, apesar da ter características comuns para todos os praticantes, poderão haver grandes diferenças da tenepes de uma pessoa para outra quanto a inúmeros aspectos, parapsíquicos, intraconscienciais e extraconscienciais.

Fases. A tenepes de uma pessoa passa por várias fazes. A fase inicial costuma ser a mais difícil. Durante um período de 6 meses, aproximadamente, o tenepecista terá que dar o melhor de si para construir uma rotina de trabalho, sintonizar com os amparadores, superar dificuldades de venham a surgir. Após muitos anos atuando de forma correta e contínua, o trabalho tende a crescer e sofisticar-se em termos de tipos e alcance da assistência promovida. Ao longo desse período, fases diversas podem ocorrer devido a mudanças na equipe extrafísica e na própria vida do tenepecista, tais como mudanças de residência, de trabalho, constituição de família, etc.

Requisitos. Em princípio qualquer pessoa pode praticar a tenepes. Segue uma breve  lista de requisitos fundamentais que o candidato deve atender.

– Estudar a documentação básica sobre o assunto já existente;

– Dominar a instalação do Estado Vibracional;

– Ter a vida relativamente organizada;

– Não estar começando outras atividades importantes (trabalho, formação acadêmica, gestação etc) no mesmo momento em que for iniciar a tenepes;

– Não sofrer de carências crônicas de ordem afetiva e sexual;

– Ter consciência da responsabilidade quanto ao compromisso assumido em realizar a tenepes e suas implicações;

– Estar disposto a aprimorar continuamente todos os seus desempenhos, sejam parapsíquicos, sejam intraconscienciais (autocrítica, ortopensenidade, cosmoética, etc).

Parapsiquismo. Algumas pessoas creem que é preciso ter um parapsiquismo bem desenvolvido para iniciar a tenepes. Embora isso certamente ajude, não é bem assim. Na realidade, para a maioria dos praticantes, é por meio da tenepes que eles irão desenvolver seu parapsiquismo.

Acidentes de percurso. Muitas pessoas creem que ao iniciar a tenepes o praticante sempre vai passar por uma fase onde ”tudo vai dar na sua cabeça” devido a atuação do assédio extrafísico. Isso de fato pode acontecer, mas, apenas quando o tenepecista não atende de forma minimamente satisfatória os requisitos descritos acima. Se a tenepes for feita da forma correta, ela vai melhorar a vida do praticante em inúmeros, senão em todos os aspectos. Isso em grande parte decorrerá da própria reforma íntima que ele fará para melhorar a qualidade de sua tenepes.

Custo. A tenepes tem um custo para o praticante em termos de tempo e energia. Os ganhos em termos de evolução, contudo, compensam plenamente esse investimento.

Amparo. O tenepecista fica na linha de fogo dos assediadores, contudo o amparo aumenta muito também, o que não implica em imunidade contra todo e qualquer tipo de investida assediadora. Para manter o assédio distante e a sintonia com os amparadores é fundamental a manutenção do equilíbrio holossomático (pensamentos, sentimentos e energias).

Apoio. É muito importante, talvez até indispensável, que o iniciante possa contar com o apoio de um tenepecista veterano ou que participe de um grupo de estudos sobre o assunto para que possa discutir suas dúvidas e obter certos esclarecimentos que não estejam disponíveis em livros ou artigos. Isso minimizará erros que o tenepecista venha a cometer quanto aos procedimentos envolvidos ao longo de todo o processo.

Por onde iniciar. Comece lendo os documentos sugeridos na listagem abaixo e prossiga estudando tudo o que estiver disponível sobre o assunto. Se ainda não domina o EV, trate de fazê-lo. A instalação do EV, sempre que necessário, é fundamental para controlar e manter em equilíbrio os processos energéticos pessoais sem o que a tenepes não poderá ser conduzida de forma satisfatória.

Sobre Tenepes

Segue uma relação dos melhores documentos sobre a tenepes, todos disponíveis para download.

Manual da Tenepes, Waldo Vieira, Editora Editares

Técnica da Qualificação do Tenepessopensene Pessoal, Sandra Tornieri

Formação do Campo Assistencial da Tenepes, Felipe Damázio et all

Tenepessoagrama: Instrumento Qualificador da Tenepes, Luimara Schmit

Tertúlias Conscienciológicas: Consulte via mecanismos de busca (Gloogle, etc)  todas as seguintes tertúlias (textos, áudio e vídeo) relacionadas  a tenepes:

0366 Conscin Tenepessável
1063 Inventário da Tenepes
1064 Extra da Tenepes
1276 Tenepes Inspiradora
1916 Registro Tenepessista
2062 Binômio Tenepes-Autopesquisa
2266 Tenepessografologia
2334 Cronologia da Tenepessologia
2377 Sinergismo Tenepes-Epicentrismo
2427 Aporte Tenepessológico
2430 Cronotenepessologia
2452 Tenepes Autocapacitadora
2490 Tenepes Cognopolitana
2540 Sinergismo Tenepes-Retrocognição
2558 Extrapolacionismo Pré-Tenepessista
2630 GPC-Tenepes
2659 Geopolítica Tenepessológica
2685 Paracablagem Interassistencial
2768 Pedido de Tenepes
2775 Autopacificação Tenepessista

Para Saber Mais:

Experiências Fora do Corpo – Fundamentos

Experiências Fora do Corpo – O Guia do Iniciante

Fronteira da Consciência.com

Metaconsciência.com

Livro Estado Vibracional

Livro Estado VibracionalLivro Experiências Fora do Corpo - Fundamentos

 

 

 

 

 

Estado Vibracional chega a 10.000 Visualizações


FA29092013

Caros Amigos

O Blog Estado Vibracional completa nesse mês seu primeiro ano de vida, tendo chegado, na semana passada, a 10.000 visualizações de suas páginas.

Trata-se de um volume considerável haja visto o pouco tempo decorrido desde a criação do Blog e o tipo de iniciativa (escrevo os posts nas horas vagas e praticamente não faço qualquer divulgação além daquela existente em meus livros e outros sites).

Apenas em termos de comparação, meu outro Blog, Fronteira Astral, levou 1 ano e 5 meses para obter essa pontuação, mesmo com mais investimento pessoal em sua divulgação.

Obrigado a vocês que vem aqui regularmente. Continuarei me esforçando para publicar conteúdos exclusivos e que possam ajudá-los na obtenção de autoconhecimento e domínio dos processos bioenergéticos.

Cesar de Souza Machado

Livro Estado Vibracional

Livro Estado VibracionalLivro Experiências Fora do Corpo - Fundamentos